Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Início do conteúdo da página

Mecanização do 41º Batalhão de Infantaria Motorizada

Publicado: Quinta, 16 de Setembro de 2021, 14h29 | Acessos: 620
imagem sem descrição.

Jataí (GO) - O 41º Batalhão de Infantaria Motorizado é a mais nova Organização Militar a receber Viaturas Blindadas de Transporte de Pessoal Médio sobre Rodas Guarani (VBTP-MR). Uma tecnologia nacional de defesa, desenvolvida pelo Departamento de Ciência e Tecnologia do Exército, pronta para o emprego operacional.
Essa doutrina de emprego amplia a capacidade de combate da Infantaria, com mais mobilidade, proteção blindada e aumento do poder de fogo.
Durante o evento, o Comandante do Exército PAULO SÉRGIO Nogueira de Oliveira, recepcionou a apresentação dos Blindados e junto com as autoridades realizou ato simbólico de designação das viaturas. A primeira viatura que chegou à Unidade foi batizada pelo Comandante do Exército, acompanhado do Prefeito da cidade, Humberto de Freitas Machado, e recebeu o nome de Jataí. As demais viaturas foram nomeadas pelas outras autoridades presentes.
Posicionado estrategicamente no sudoeste de Goiás, o 41º BI Mtz está numa das regiões de maior produção agrícola do país. Com a chegada das primeiras viaturas Guarani, passa a integrar o projeto de mecanização da Força Terrestre. A chegada, dessas viaturas blindadas, assim como a visita do Comandante do Exército, é um marco na história do 41º BI Mtz e para cidade de Jataí (GO).
Participaram do evento o Comandante de Operações Terrestres, Gen Ex José Luiz Dias Freitas, o Chefe do Estado-Maior do Exército, Gen Ex Marcos Antonio Amaro dos Santos, o Comandante Militar do Planalto, Gen Div Rui Yutaka Matsuda, o Comandante da 11ª Região Militar, Gen Bda Paulo Afonso Bruno de Melo, o Comandante da 3ª Brigada de Infantaria Motorizada, Gen Bda Marcus Alexandre Fernandes de Araújo, o Gerente do Programa Estratégico do Exército Guarani, Gen Bda R1 Edson Henrique Ramires, o antigo Comandante do 41º BI Mtz, Cel R1 José Carlos Sappi e autoridades locais.

registrado em:
Fim do conteúdo da página